Curta o GBC Siga o GBC 


“catraca inoperante” de Clara Arreguy ganha nova edição: impressa e em CD

Catraca Inoperante de Clara ArreguyFoto Paulo de Araujo

Clique aqui e faça o download das imagens de divulgação. Crédito: Paulo de Araújo

 

 

“Com o belo “catraca inoperante”, Clara Arreguy usa sua experiência de jornalista e, sobretudo, a sua empatia, a sua capacidade de observação e a sua extraordinária sensibilidade, para retratar a realidade de nosso país, em textos bem-humorados e comoventes, textos que, na sua aparente simplicidade, mergulham fundo na condição brasileira”. Moacyr Scliar

No dia 17 de maio (sábado) a partir das 9h, a jornalista e escritora mineira Clara Arreguy, estará na Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa (Praça da Liberdade – Funcionários) para lançar mais uma edição da coletânea de crônicas “catraca inoperante”, lançada em 2011 e que estava esgotada.

Além da versão impressa que está com editoração renovada, Clara produziu uma versão em CD, com acessibilidade para deficientes visuais, pessoas com baixa visão, visão subnormal, idosos e o público em geral. Trata-se de um audiolivro que vem encartado na reedição. Nele, os 40 textos, publicados originalmente nos jornais Estado de Minas e Correio Braziliense, foram gravados por 28 pessoas, entre artistas, radialistas, locutores e outros profissionais de Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre e Rio de Janeiro, que atenderam ao convite de Clara Arreguy e fizeram leituras criativas para as crônicas.

Fernanda Takai, Maurício Tizumba, Jones Abreu, Fabiana Arreguy, Luiz Fara Moteiro, Leri Faria Jr., Cláudia Campos, Dudu Bartholo, Sandra Fontella, Luiz Carlos Borges e Luiz Cláudio Moreira são alguns dos cantores, atores e jornalistas participantes. Também a própria autora e seus irmãos, os músicos Beto Arreguy e Fred Arreguy Maia e o artista plástico Mário Arreguy, integram o time de “ledores” do audiolivro.

“catraca inoperante – Reedição + audiolivro” traz 41 crônicas (as 40 do livro e uma faixa bônus) de vários momentos da vida da autora e do país. Com humor e poesia, ela comenta temas relacionados à mulher, ao jornalismo, à linguagem, às aventuras sobre duas rodas.

Mineira de Belo Horizonte, Clara Arreguy radicou-se em 2004 em Brasília. É autora dos romances “Segunda Divisão” (Lamparina, 2005), “Tempo Seco” (Geração Editorial, 2009) e “Rádio Beatles” (Outubro Edições, 2012) e do livro de memórias “Fafich” (Conceito Comunicação, 2005).

Com patrocínio da Caixa Econômica Federal, o audiolivro terá quatro lançamentos: no dia 16 de abril, às 19h, na Bienal do Livro de Brasília; dia 22 de abril, às 14h, na Biblioteca Braile de Taguatinga (DF); no dia 1º de maio, às 16h, na Flipiri – Feira Literária de Pirenópolis (GO); e no dia 17 de maio, às 9h, na Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa, na Praça da Liberdade, em Belo Horizonte.

Além da distribuição gratuita nos lançamentos, “catraca inoperante – Impresso + audiolivro” será doado para bibliotecas e entidades que atuam na inclusão de deficientes visuais e idosos.

Ficha Técnica:

catraca inoperante de Clara Arreguy

Lançamento da edição e manhã de autógrafos – 17 de maio – sábado

Horário – a partir das 9h

Local – Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa – Praça da Liberdade – BH

Assessoria de Imprensa:

Heberton Lopes – (31) 3077 0606 – (31) 8855 1219

Christina Lima – (31) 3274 8907  – (31) 9981 4897